top of page

NetLab UFRJ participa de webinário sobre narrativas midiáticas durante a temporada do fogo no Brasil


Slide de Abertura do relatório ‘Onde há fumaça há fogo’ / Créditos: NetLab UFRJ

Membros do Laboratório de Estudos de Internet e Redes Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (NetLab UFRJ) participaram de um webminário promovido por diversas organizações da sociedade civil dedicadas à questão socioambiental. O evento ocorreu neste domingo (02/05) e os pesquisadores foram convidados para falar sobre a pesquisa “Onde há fumaça há fogo". O estudo está na linha de pesquisa ‘Meio Ambiente e Mudança Climática’.


A pesquisa buscou diagnosticar a dinâmica do ecossistema de desinformação em relação a questões socioambientais, uso econômico da terra, garantia de direitos dos povos indígenas e políticas públicas sobre a mudança climática. Para isso, os pesquisadores coletaram todas as publicações sobre esses temas realizadas durante a temporada do fogo em portais de notícias associados à grande imprensa e também em portais menores, relacionados a escândalos de desinformação em outros contextos.


Sobre a pesquisa


Foi realizada uma análise crítica de discurso buscando identificar as principais características de cada um dos dois conjuntos de notícias, e também os pontos em comum na cobertura de ambos os tipos de portais. Identificamos a propagação de teorias conspiratórias envolvendo ONGs e supostas influências estrangeiras na Amazônia, sobretudo de viés neoliberal, e uma forte exaltação da presença do exército na região.


Além disso, o laboratório observou que houve pouquíssima cobertura sobre os temas de saúde, segurança pública e o impacto das queimadas na vida de povos indígenas da região durante a temporada do fogo de 2020. 



Kommentarer


bottom of page