top of page

The social capital structure in the contemporary fine arts field

P2P Inovação


Este artigo analisa as relações sociais entre as pessoas mais influentes no campo da arte contemporânea. Testa a hipótese de saber se as conexões comerciais podem ser um índice das relações de influência e legitimidade no mundo das artes visuais e se essas relações afetam o capital cultural que possuem e a posição que ocupam no campo.


O ranking Power 100 – um guia para as figuras mais influentes da arte contemporânea – e as relações comerciais entre as pessoas listadas foram usadas para desenhar seis redes de ego. Os dados relativos às ligações sociais foram recolhidos a partir da plataforma online Artsy.


O artigo identifica os mecanismos de legitimação social e influência artística, bem como as implicações culturais e sociais das redes sociais no campo artístico contemporâneo, agora percebidas em ambientes digitais.


 

Como citar: SALLES, D.; SANTINI, R. M. THE SOCIAL CAPITAL STRUCTURE IN THE CONTEMPORARY FINE ARTS FIELD: THE LEGITIMATION AND PRESTIGE LOGICS IN THE POWER 100 EGO NETWORKS. P2P E INOVAÇÃO, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 142–159, 2016. DOI: 10.21721/p2p.2016v2n2.p142-159.


Comments


bottom of page