top of page

Do you believe in fake after all? WhatsApp Disinformation Campaign during Brazilian 2018 election

Politics of Disinformation


Jair Bolsonaro foi eleito presidente do Brasil em 2018 em meio a acusações de se beneficiar de uma “indústria da mentira” (Phillips 2018) demitida de um grupo de WhatsApp. Como um político de extrema direita sem tempo de antena na TV, ele creditou sua vitória às mídias sociais (Andrade e Maia 2018), ganhando o apelido de “o Trump dos trópicos” (BBC 2018). A campanha de Bolsonaro apresenta paralelos não apenas com a estratégia de comunicação de Trump, mas também com outras lideranças de direita, como Duderte (Filipinas), Modi (Índia) e Erdogan (Turquia).

Do livro "Politics of Disinformation", que oferece uma discussão aprofundada sobre o problema esmagador das notícias falsas modernas na arena política. O livro revisa conceitos teóricos fundamentais de desinformação e analisa o impacto de novas técnicas de desinformação e a disseminação de informações falsas no espaço público. Um grupo de autores ilustres fornece estudos de caso ao longo do texto para ilustrar o efeito da desinformação em todo o mundo; incluindo, entre outros, Europa, Oriente Médio e América do Sul.


Os capítulos incluem o exame de tópicos como a ascensão do populismo, a crescente influência política das redes sociais, o uso de verificação de fatos para combater notícias falsas e câmaras de eco e análises comparativas de como a desinformação afeta conservadores e liberais. Um estudo de caso final examina todos esses fatores relacionados às recentes eleições espanholas de 2019 e como eles afetaram os resultados.

 

Como citar: Santini, R. M., Tucci, G., Salles, D., & de Almeida, A. R. D. (2021). Do You Believe in Fake After All?. Politics of Disinformation, 51.


Leia o livro

Comments


bottom of page